Semus inicia Campanha de Prevenção às DSTs no Carnaval a partir deste sábado

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012 Marcadores:
O bloco da prevenção às doenças sexualmente transmissíveis, da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), já ganhou o circuito pré-carnavalesco da capital. A Campanha de Prevenção às DSTs e Hepatites Virais no Carnaval de São Luís, da Coordenação do Programa Municipal DST/Aids e Hepatites Virais, faz blitz neste sábado (04), a partir das 17h, no Centro Histórico (próximo ao Teatro João do Vale, na Praia Grande). A programação (ver quadro) segue até o dia 22. Neste ano, o slogan da campanha é “Se rolar, use camisinha – Festa de Todos, alegria da gente”.

Durante a campanha, haverá distribuição de material informativo e de preservativos em unidades de saúde da capital (Unidades Mistas Itaqui-Bacanga, São Bernardo, Bequimão e Coroadinho, nos 20 centros de saúde da rede, nos Centros de Testagem Anônima do Anil e do Lira e nos SAEs adulto e adolescente) e nos principais locais de festas carnavalescas e de grande concentração de pessoas em São Luís.

“Acreditamos que a informação é a melhor ferramenta para a prevenção de doenças. Por isso, estamos com nossas equipes nas ruas, aproveitando esse momento de festa para orientar as pessoas e lembrar que a saúde é o nosso maior patrimônio”, afirmou o secretário de Saúde do Município, Gutemberg Araújo.

Combate

As ações de saúde do Programa Municipal de Controle de DST/Aids são realizadas por meio dos Serviços de Assistência Especializada (SAE), que atendem adultos e adolescentes; além das maternidades, que atendem de forma diferenciada gestantes soropositivas e serviços de atenção ao nascido.

A Semus dispõe ainda de atendimento nos Centros de Testagem Anônimo (CTAs) nos bairros Lira e Anil, laboratório de HIV e a Unidade do Coroadinho para pacientes clínicos e atenção em toda a rede básica de saúde do município.

De acordo com dados da Coordenação de DST/Aids e Hepatites Virais, foram registrados 2.563 casos de Aids entre 1985 e 2011, sendo 62% do sexo masculino e 37,5% do sexo feminino. A via de transmissão mais frequente é a sexual, com 93% dos registros. A população de gestantes soma 504 infectadas pelo HIV entre 2000 e 2011. Na população de crianças, foram registrados 73 casos no mesmo período, representando 14% do total. De 2001 a 2011, a média foi de 150 casos por ano.

Em relação à sífilis congênita, outra doença sexualmente transmissível, foram registrados 291 casos entre 2001 e 2011. Somam 3.570 o total de casos os registros de doenças sexualmente transmissíveis notificadas pelo sistema de agravo do DST/Aids de 2010 a 2011.

Segundo estudos epidemiológicos do Ministério da Saúde, Recife, Teresina, João Pessoa e São Luís são as cidades com maiores taxas de incidência de HIV/Aids na faixa etária de 20 anos a 49 anos para ambos os sexos.

PROGRAMAÇÃO

PRÉ-CARNAVAL – sempre às 17h

Data   Local

03/02 Centro Histórico – Praia Grande

04/02 Centro Histórico – Praia Grande

05/02 Circuito Madre Deus

10/02 Centro Histórico – Praia Grande

11/02 Centro Histórico – Praia Grande

12/02 Circuito Madre Deus

17/02 Passarela do Samba

17/02 Circuito Madre Deus

CARNAVAL – sempre às 18h

Data   Local

18/02 Passarela do Samba

18/02 Circuito Madre Deus

19/02 Passarela do Samba

19/02 Circuito Madre Deus

20/02 Passarela do Samba

20/02 Circuito Madre Deus

21/02 Passarela do Samba

21/02 Circuito Madre Deus

Ação nos Terminais de Integração – 9h às 16h

Data    Local

06/02 Integração da Cohama

07/02 Integração do Cohatrac

08/02 Integração da BR

09/02 Integração do São Cristóvão

10/02 Integração da Praia Grande

- 10/02, das 9h às 12h: Blitz no CTA Anil com distribuição de kit-prevenção no bairro e participação do Bloco Jacaré.

- 17 e 22/02: Blitz no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, no Tirirical, durante todo o dia (24 horas). A ação do dia 22 será das 6h ao meio dia.


0 comentários:

 
Bastidores3 © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot