Castelo entrega chave da cidade à Corte Momesca e abre oficialmente o Carnaval dos 400 anos de São Luís‏

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012 Marcadores:
O prefeito de São Luís, João Castelo, entregou, simbolicamente, a chave da cidade à Corte Momesca e abriu, oficialmente, o Carnaval dos 400 anos de São Luís, na noite desta quinta-feira (16), na Passarela do Samba, no Anel Viário. Com a chave da cidade nas mãos, o Rei Momo Diego Sá, a rainha Jade dos Santos e as princesas Itayanna Abreu e Paloma Muniz reinarão nos desfiles das agremiações até o dia 21 deste mês.

Ao lado da primeira-dama Gardênia Gonçalves e do presidente da Fundação Municipal de Cultura Euclides Moreira Neto; da deputada estadual Gardênia Castelo, do secretário de Estado da Cultura Luiz Bulcão e do secretário municipal de Turismo Liviomar Macatrão, o prefeito João Castelo declarou aberta a temporada carnavalesca de São Luís, que este ano celebrará 400 anos de fundação.

“É uma satisfação muito grande entregar a chave da cidade ao Reio Momo que terá a responsabilidade de comandar a cidade durante esse período de festa. Eu espero que, assim como os últimos três anos de minha gestão, a população possa festejar o carnaval com tranqüilidade e muita alegria”, afirmou João Castelo.

Para o Rei Momo, a responsabilidade é grande, porém, mistura com muita alegria e satisfação. “É uma emoção imensa e fico feliz em receber a chave da cidade para que, juntamente com a rainha e as princesas, possamos alegrar a festa em todos os seus momentos”, ressaltou Diego Sá.

O presidente da Func Euclides Moreira Neto frisou, durante a solenidade na Passarela do Samba, a unanimidade das agremiações desfilarem este ano em homenagem ao quatrocentenário da capital maranhense. “Os 104 grupos carnavalescos que desfilarão aqui na passarela vão fazer uma releitura de São Luís em seus enredos, enfocando os 400 anos do aniversário da nossa capital”, frisou.

Com o tema “Carnaval de São Luís, 400 vezes mais feliz”, a programação na Passarela do Samba, totalmente organizada e aparelhada, começou com as turmas de samba mirim. Logo em seguida, desfilam as Tribos de Índio - Tupiniquins, Curumim, Tapiaca Uhu, Sioux, Guajajaras, Tupinambá (Iguaíba), Guarani, Navajo, Kamayurá, Carajás, Itapoã, Os Tupinambás (Anjo da Guarda) e Upaon-Açu.

Em seguida, a folia ficou por conta do desfile dos Blocos Tradicionais que não concorrem este ano: o estreante “Anjos Gladiadores”, da APAE e Boêmios do Ritmo. A programação da noite foi encerrada com o desfile das turmas de samba ritmistas de São José de Ribamar, Ritmistas da Madre Deus, Vinagreira do Samba e Fuzileiros da Fuzarca.

Estrutura e público

A expectativa da Fundação Municipal de Cultura (Func), realizadora do evento na Passarela do Samba, é de receber no local um público de aproximadamente 65 mil pessoas durante os sete dias de folia.

O palco carnavalesco, no Anel Viário, está distribuído em cinco módulos de arquibancadas com capacidade para seis mil lugares; 68 camarotes, sendo 25 privados, nove para os jurados do concurso, um camarote duplo para a imprensa, outro para os locutores oficiais do evento, além de camarotes para a cabine de som e institucional com capacidade para 300 pessoas; e mais 2.500 cadeiras de pista, distribuídas à margem da passarela.

Como nos anos anteriores, o público terá acesso gratuito à passarela e o ingresso deve ser retirado horas antes dos desfiles, na bilheteria do local. A distribuição das entradas estará sujeita ao limite de nove mil lugares por dia, não podendo ultrapassar a margem de capacidade das arquibancadas.

A Prefeitura disponibilizará banheiros ecológicos dentro e em todo entorno da Passarela do Samba e, também, autorizou barracas de vendedores ambulantes credenciados e capacitados para o manejo e a utilização adequada de alimentos e venda de bebidas.

Serão, ao todo, seis dias de muita folia. Até o dia 21, acontecem os desfiles dos Blocos Tradicionais dos grupos “A” e “B”, dos Blocos Organizados, das Escolas de Samba e dos Blocos Afros. Na sexta-feira, dia 24, acontecerá o Desfile dos Campeões com a participação dos três primeiros colocados de cada categoria carnavalesca.

Confira a programação para a sexta-feira (17):

Desfile dos Blocos Tradicionais do Grupo B por ordem de apresentação.

HORÁRIO BLOCO

19h00 às 19h15 B. T. – Príncipe da Meia Noite

19h20 às 19h35 B.T – Bola de Prata

19h40 às 19h55 B.T – Geração do Ritmo

20h00 às 20h15 B.T – Reis da Liberdade

20h20 às 20h35 B.T – Arlequim de Ouro

20h40 às 20h55 B.T – Vinagreira Show

21h00 às 21h15 B.T - Os Malabaristas

21h20 às 21h35 B.T - Os Fenomenais

21h40 às 21h55 B.T – Os Guerreiros

22h00 às 22h15 B.T – Os Especialistas do Ritmo

22h20 às 22h35 B.T - Cia do Ritmo

22h40 às 22h55 B.T – Renovação do Ritmo

23h00 às 23h15 B.T - Os Gaviões do Ritmo

23h20 às 23h35 B.T – Falcão de Prata

23h40 às 23h55 B.T – La Boêmios de Fátima

00h00 às 00h15 B.T – Os Tropicais do Ritmo

00h20 às 00h35 B.T - Alegria do Ritmo

00h40 às 00h55 B.T - Fênix

01h00 às 01h15 B.T – Tradicionais do Ritmo

01h20 às 01h35 B.T – Os Curumins

01h40 às 01h55 B.T – Os Vingadores

02h00 às 02h15 B.T – Os Gladiadores

02h20 às 02h35 B.T – Os Inacreditáveis

0 comentários:

 
Bastidores3 © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot